Funai abre Processo Seletivo com vagas em vários Estados


Podem participar estudantes de cursos de nível médio e superior.
A Fundação Nacional do Índio (Funai) dá início no dia 01 de maio de 2018, as inscrições para o Processo Seletivo com oportunidades de Estágio voltadas a alunos de nível médio/ técnico e superior.


Para se inscrever é preciso ter mais de 16 anos de idade, ter disponibilidade para atuar em jornada de 20 ou 30 horas semanais e estar matriculado em instituições de ensino reconhecidas pelo MEC.

De forma gratuita, as inscrições devem ser realizadas até o dia 31 de maio de 2018, por meio do endereço eletrônico www.superestagio.com.br.

A bolsa-auxílio ofertada aos Estagiários varia entre R$ 203,00 e R$ 520,00, e o período de validade deste Processo Seletivo é de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.


Há oportunidades em unidades existentes nos Estados do Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.

Os inscritos farão, como forma de classificação, Provas Online, cujo início deve ser às 10h o dia 01 de maio de 2018 e o término até às 18h do dia 31 de maio do mesmo ano.


Há oportunidades para estudantes de nível médio regular, Técnico em Administração, Técnico em Informática, Técnico em Agropecuária, Técnico em Meio Ambiente, Técnico em Redes de Computadores, Técnico em Secretariado, Técnico em Contabilidade e Técnico em Recursos Humanos.


Alunos dos seguintes cursos de nível superior podem se inscrever: Administração, Gestão Pública, Recursos Humanos, Secretariado Executivo, Redes de Computadores, Direito, Geografia, Letras, Gestão Ambiental, Serviço Social, Análise de Sistemas ou Sistemas de Informação, Antropologia, Arquitetura e Urbanismo, Arquivologia, Biblioteconomia, Ciências da Computação, Ciências Ambientais, Ciências Contábeis, Ciências Sociais ou Sociologia, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia Florestal, Geodésia/ Cartografia, Jornalismo, Psicologia, Serviço Social, Design de Ambientes, Museologia, História, Pedagogia e Arquivologia.