ENTREVISTA DE EMPREGO DETALHADA

Como se comportar na entrevista de emprego? Abrindo a caixa preta!

O momento da entrevista de emprego é sempre um momento que envolve muita tensão e ansiedade, afinal uma boa apresentação durante os poucos minutos que ela dura são o que determinará o seu sucesso ou fracasso em conseguir aquele emprego que tanto queria. Para facilitar um pouco a sua vida, reunimos aqui algumas perguntas frequentes em uma entrevista de emprego e o que você não deve responder.

A entrevista de emprego momento de tensão

O sucesso ou o fracasso em uma entrevista de emprego é resultado de uma gama de fatores que você pode ter um bom controle sobre eles. É fundamental que você se prepare para a entrevista de uma vaga que você deseja muito, estando preparado para qualquer questionamento ou pedido que possa surgir.

Para melhorar o seu desempenho durante esse teste é fundamental que você faça uma preparação prévia. Conheça a empresa, tenha o conhecimento em detalhes do que é a sua vaga, quais são os requisitos mais valorizados e quais deles você possui ou não.

Tem uma boa noção das áreas em que a empresa atua, quais são suas principais características e se possível procure por alguém que já trabalhou por lá para saber se o ambiente é mais formal ou informal, por exemplo. Isso vai contar muitos pontos no resultado positivo da sua entrevista.
Outra forma de preparar-se é conhecer quais são as perguntas mais frequentes em entrevista. Não crie discursos decorados ou prepare respostas prontas, mas estude um pouco a seu respeito para não ser pego em completa surpresa.

Perguntas frequentes na entrevista de emprego : O que não dizer

Agora vamos conferir algumas das perguntas mais comuns feitas em uma entrevista de emprego e quais são as respostas que você não deve dar quando ouvir uma delas.

Quais são seus pontos fortes, “no que você é realmente bom”? E os ponto fracos ”fale sobre eles” ?
Um clássico das entrevistas de emprego, logicamente dizer que você tem que ser sincero e evitar muito egocentrismo tem que parecer óbvio para você. Se não for, precisa revisar suas respostas por aí. Jamais dê respostas sobre seus pontos fracos como sendo alguém “perfeccionista”, por exemplo, isto soa falso e arrogante da sua parte.

Pense nisso com antecedência para não se atrapalhar na hora, mas fale algo sincero sem ser “sou preguiçoso e gostaria de estar dormindo agora” ou “eu odeio trabalhar”. Tenha bom senso, mas admita alguma coisa pois isso soa natura e humano.

Por que você tem interesse em trabalhar na empresa?

Uma pergunta importante para medir o quanto você conhece da entrevista de emprego duvidasempresa que você está se candidatando. É a hora para você mostrar que tem interesse e conhece a empresa, falando alguns pontos que parecem interessantes para você. Evite falar coisas muito genéricas ou que está lá porque é a única opção, falar isso é assumir que não precisa daquele emprego. Conheça a empresa antes da entrevista e separe o que você acha legal nela.
Onde você se enxerga nos próximos 5 anos?


Outra pergunta bastante frequente em entrevistas e que nos faz pensar e ficar em dúvida do que responder. É importante que para sua carreira você tenha uma noção do que quer para você em um futuro a médio e longo prazo, por isso tente fazer esse exercício sempre e responda justamente o que aquele emprego pode te ajudar a chegar onde quer.

Não responda coisas que remetam que daqui 5 anos você estará em outra empresa ou já fora de onde pretende entrar, ninguém gosta de profissionais que já entram pensando em sair.

Por que você quer sair do seu atual emprego?

Se você está empregado, esta pode ser uma pergunta embaraçosa por alguns motivos. Um deles é que dependendo da área que você trabalha, as pessoas se conhecem, então nada de falar muitos detalhes e problemas da sua empresa atual, o tiro pode sair pela culatra.

Outro ponto é que dependendo da sua resposta, como você vai assegurar a quem te contrata que você não fará isso de novo? Uma resposta voltada somente a parte financeira pode carregar esse significado, pois, afinal, se você tiver uma oportunidade melhor você vai sair da nova empresa sem pensar duas vezes? Bem, essa pode ser a impressão que você vai passar. Pense bem na sua resposta e preze por algum diferencial entre as duas empresas sem ofender ninguém.

Descreva-se, quem é você?

Mais uma pergunta abstrata e que nos faz embaralhar os pensamentos. Este tipo de pergunta cabe para demosntrar o quanto você conhece de si mesmo, das sua habilidades e suas limitações. Logo, seja humilde, não se descreva como um super-humano ou como algo acima do que realmente é. Descreva um pouco da sua rotina, mas sem dar detalhes demais, foque em aspectos que serão úteis na rotina da empresa.

Nos conte como lidou em uma situação difícil, sob pressão?

Os entrevistadores adoram fazer este tipo de pergunta para conhecer como você supostamente se comporta em situações de pressão. Acontece que todos sabemos que falar sobre uma situação que já aconteceu é muito diferente de vivê-la na hora, com tempo curto de decisão.
Então, seu entrevistador espera que você dê uma resposta honesta, sobre como tentou manter a sua tranquilidade e cumpriu com o seu dever. Não precisa se vangloriar, nem bancar o super-herói, preze pela modéstia e pela sinceridade.

Como você demitiria alguém?

Mais uma pergunta que busca compreender como são seus sentimentos e como você reage em situações decisivas. Não seja um completo insensível em sua resposta, mostre que se importa pelos sentimentos dos seus colegas de trabalhos, mas também é capaz de resolver a questão pendente.
Mostre que pode cumprir uma tarefa sem precisar por cima de ninguém. Jamais pareça rigoroso ou intenso demais na forma como demitiria alguém.

Estas são algumas das perguntas mais frequentes em entrevistas de emprego. Busque conhecer bem o perfil da empresa, o perfil dos funcionários e esteja preparado para estas perguntas que são quase padrão. Seja sempre honesto e segure o seu ego, o que todos esperam de um funcionário novo é que ele seja dedicado e bom com os colegas.